Apesar do gol, o pivô Bruno Petry não conseguiu evitar mais uma derrota da ADU.
Apesar do gol, o pivô Bruno Petry não conseguiu evitar mais uma derrota da ADU.

Tubarão

Após mais uma derrota em casa, as chances de classificação da ADU/Hipper Freios/Joma para a segunda fase da Liga Futsal ficaram menores. Para continuar na luta por um lugar entre os 16 primeiros, o time tubaronense tem um jogo decisivo hoje. A equipe da Cidade Azul enfrenta o São José, à 20 horas, na última partida em casa.

No jogo deste fim de semana, às vésperas do aniversário de 142 anos de Tubarão, quem fez a festa foi a equipe do Suzano/Penalty. Os paulistas não tomaram conhecimento dos donos da casa e golearam a ADU por 5 a 2.
Após um início de primeiro tempo de poucas emoções, os visitantes abriram o placar com o pivô Gaúcho, aos 10 minutos. A ADU conseguiu criar boas chances, mas pecou na finalização e, com isso, o Suzano aproveitou para ampliar, com Luizinho.

A bronca do técnico Paulinho Gambier no intervalo parecia ter dado resultado, já que os tubaronenses começaram a segunda etapa em ritmo acelerado e diminuíram o marcador, com Bruno Petry. A pressão continuou e Diego Fávero, aos cinco minutos, empatou.

A virada parecia questão de tempo. Só parecia. Guerra colocou o Suzano novamente em vantagem aos 11 minutos. Para reverter o resultado, a ADU utilizou o goleiro linha, e sofreu mais dois gols, com PC e Guerra novamente.
A cinco jogos do fim da competição (quatro fora de casa), os tubaronenses estão a cinco pontos da zona de classificação. Na última posição, enfrentam hoje o São José, que é o oitavo colocado na tabela.