Tubarão

A espera chegou ao fim. Inicia neste domingo a Copa Santa Catarina 2018, que deve movimentar as duas torcidas da Cidade Azul. Para o Atlético Tubarão, o objetivo é o bicampeonato. No Hercílio Luz, além da taça, o clube busca a vaga na Copa do Brasil.

A competição é a última do calendário profissional da Federação Catarinense de Futebol e contará com 12 equipes das séries A e B de Santa Catarina. O Leão do Sul está no grupo A, ao lado de Blumenau, adversário da estreia, Figueirense, Joinville, Fluminense e Metropolitano. Já o Peixe está na chave B, com Marcílio Dias (rival deste domingo), Brusque, Internacional, Almirante Barroso e Almirante de Mafra.

Os 12 times jogarão turno e returno dentro das chaves, o que faz com que um clássico entre Leão e Peixe só ocorra no mata-mata. Os dois melhores de cada grupo avançam para as semifinais. O campeão será conhecido no dia 25 de novembro.

A taça da competição também é uma homenagem a um ícone do futebol catarinense, recebendo o nome de Francisco Milioli Neto. Dirigente nos anos de 1980 e 1990 e comentarista até o ano passado, ele morreu em abril, aos 78 anos.

Peixe em busca do bicampeonato

O torcedor do Atlético Tubarão já viveu intensamente o 2018 com o 3º lugar no Campeonato Catarinense, um jogo épico na Copa do Brasil e uma campanha memorável na Série D do Brasileiro. Mas eles querem completar o ano com um título que já é especial aos tricolores.

No ano passado, o Peixe ergueu a taça após vencer o Brusque na decisão. A equipe já está garantida na Copa do Brasil devido ao resultado do Catarinense, mas garante que o desejo em conquistar o bicampeonato é intenso. “Nosso objetivo é o título mais uma vez. Somos o time a ser batido por sermos os atuais campeões. Mesmo que a vaga na Copa do Brasil já esteja garantida, queremos ser campeões para elevar ainda mais o patamar do Tubarão”, destacou o volante Guilherme Amorim.

A principal contratação do Atlético Tubarão para a Copa Santa Catarina é o atacante Edno. O jogador de 35 anos coleciona passagens por grandes clubes do Brasil como Corinthians, Botafogo, Cruzeiro, Atlético Paranaense, Avaí e Figueirense, e também do exterior, como PSV (Holanda) e Tigres (México). 

Para coroar o centenário

Depois de retornar à Série A do Campeonato Catarinense, o Hercílio Luz sonha com um título para coroar o centenário do clube. A equipe entra na Copa Santa Catarina de olho na taça e também na vaga para a Copa do Brasil.

A estreia será em casa, às 15h30 de domingo, diante do Blumenau. A torcida está ansiosa pelo título, e os jogadores sabem disso. “Sem dúvida eles estão empolgados pelo que viram no começo do ano e pelo que está sendo montado aqui, então eles vão querer ir além do que fomos no início do ano”, afirmou o centroavante Lima, que retorna ao Leão após brilhar no Campeonato Catarinense, quando foi o artilheiro da competição.

Lima conhece bem a Copa Santa Catarina dos tempos de Joinville, quando foi campeão e artilheiro. O experiente jogador está confiante que o título possa ir para o estádio Aníbal Costa. “A expectativa é grande. Tem uma vaga aberta para a Copa do Brasil e vamos em busca dela. Creio com um elenco que está sendo montado, um elenco competitivo, tenho certeza que podemos conseguir”, destaca.

O jogo deste domingo também marcará a estreia do novo uniforme do Leão. A peça estará disponível na Leão Store, do estádio Aníbal Costa.