Artilheiro Zé Carlos marcou o gol da classificação do Tigre   -  Foto: Gabriel Badaró/Ideallize A.C./Divulgação./Notisul
Artilheiro Zé Carlos marcou o gol da classificação do Tigre - Foto: Gabriel Badaró/Ideallize A.C./Divulgação./Notisul

 

Criciúma
 
O Tigre volta a Criciúma com a classificação para a segunda fase da Copa do Brasil. Em partida realizada no Estádio Aniceto Moscoso, no Rio de Janeiro, o time catarinense derrotou o Madureira por 2 a 0, e garantiu a vaga. 
 
A partida começou movimentada, com pressão do Madureira. No entanto, os catarinenses não se intimidaram e logo equilibraram o confronto.
 
O Criciúma não tinha a maior posse de bola, mas criava as melhores chances. Mesmo assim, o jogo foi para intervalo sem gols.
 
O Tigre voltou à segunda etapa com mais vontade, e não demorou para abrir o placar. Logo aos dois minutos, o zagueiro Nirley aproveitou cruzamento na área e cabeceou para a rede do Madureira.
 
O revés fez com que os donos da casa partissem para o ataque e quase empataram aos 17 minutos. Alex pegou rebote e chutou colocado, mas para fora. A resposta do Criciúma veio no lance seguinte. João Paulo foi derrubado dentro da área e o árbitro marcou pênalti. Zé Carlos cobrou e deu números finais ao jogo.
 
Como o regulamento da competição prevê que a equipe que atue fora de casa consiga a classificação se vencer por dois ou mais gols, o Criciúma elimina a necessidade do jogo de volta e está na próxima fase da Copa do Brasil.
Agora, o Tigre vai esperar a definição do confronto entre Sampaio Corrêa (MA) e Atlético-PR para saber qual será o seu adversário na próxima fase.