Tubarão

Chegou o momento da viagem mais longa para o Atlético Tubarão no Catarinense B. Ontem à noite, o time embarcou para Porto União, onde enfrenta o Porto, neste domingo às 11 horas. São 562 quilômetros de distância da Cidade Azul até o município localizado no extremo Norte catarinense. Por ser uma viagem desgastante, a delegação já se preparou para ir um dia antes e continuar os treinamentos por lá.

“Todos os preparativos foram feitos pela direção para viajarmos antes e chegarmos bem. Ir de madrugada é melhor, conseguimos dormir e descansar mais. Assim, podemos aproveitar mais o treinamento durante o dia”, avalia o meia Alex Nemetz.

Antes da viagem, o time treinou pela manhã no Estádio Domingos Silveira Gonzales. Os jogadores realizaram uma atividade de movimentação em campo reduzido, sob a orientação do técnico Marcelo Mabilia. O treinador não poderá contar com o volante Matheus Barbosa e o atacante Calyson, suspensos pelo terceiro cartão amarelo.

“Passamos a semana fazendo trabalhos mais físicos, para nos recuperar do último jogo. Agora, estamos treinando mais forte para encarar o Porto. Será um jogo difícil, eles buscam a reabilitação na tabela. Mas, acreditamos em nosso futebol e entraremos com muita seriedade e força para sair de lá com os três pontos. Falamos sempre que temos um grupo, não apenas um time, por isso tenho certeza que quem entrar dará conta do recado”, garante Alex Nemetz.