Imbituba
 
Reforçado de grandes nomes do futebol nacional, atletas com larga experiência e pratas da casa, o Imbituba chega ciente de que fez o possível para uma boa estreia no Campeonato Catarinense, neste domingo, às 18 horas, contra o Marcílio Dias, no Ninho da Águia. Destaque para o técnico Müller, o goleiro Sérgio, o meia Arilson, o artilheiro Alan e o lateral esquerdo Luan, eleito um dos melhores jogadores da posição no prêmio Top da Bola. 
 
A preparação da equipe iniciou no começo de dezembro. Depois de quase 45 dias de trabalhos, dentro de campo com o técnico Muller e comissão, e fora das quatro linhas com as obras para atender da melhor forma possível a torcida, o presidente Robertinho Rodrigues espera um início com o pé direito, apesar de reconhecer a dificuldade da competição. 
 
“A partir deste domingo, vamos desafiar gigantes do futebol. É só ver o nível de contratações das outras equipes, é um campeonato com uma dificuldade realmente altíssima”, analisa o presidente.
 
O maior objetivo do clube continua ser receber bem o torcedor, propor um grande espetáculo. “Fizemos uma série de melhorias, mas ainda é lamentável a falta de apoio, patrocínio. Vamos ficar muito satisfeitos se permanecermos na elite do campeonato”, destaca.
 
Os favoritos
Apontados como favoritos ao título do Campeonato Catarinense, os representantes do estado na Série A do Brasileiro, Avaí e Figueirense, trabalharam forte nesta sexta-feira. O Leão estreia sábado, contra a Chapecoense, e o Figueira domingo, diante do Metropolitano.
No Avaí, o técnico Luiz Antonio Verdini relacionou 20 atletas do sub-23 para a partida. Dois deles serão cortados. Para o treinador, o time do oeste é o favorito para este jogo. “A gente vai encarar a Chapecoense com o respeito que merece. Eles começaram o trabalho antes. O Avaí, por estar na Série A, teve que dar férias e começou o trabalho depois um pouco. Isso faz com que a Chapecoense tenha um favoritismo”, analisa Verdini.
No Orlando Scarpelli, após mais uma recepção calorosa da torcida quinta-feira, os atletas voltaram às atividades. O técnico Márcio Goiano terá um desfalque na zaga logo na primeira rodada: Roger Carvalho sofreu uma lesão no joelho e deve ser substituído por Edson Silva.