Florianópolis
 
O secretário de infraestrutura do estado, Valdir Cobalchini, defendeu que o contorno da Grande Florianópolis, na BR-101, tenha  o seu contorno original, ligando os quilômetros 175, em Biguaçu, ao 222, em Palhoça. A defesa ocorreu em reunião, ontem, com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), em Brasília.
 
Cobalchini entregou um documento com o pleito assinado pelo governador Raimundo Colombo ao diretor-geral em exercício da ANTT, Ivo Borges de Lima. De acordo com o secretário, que representou o estado na reunião, esse traçado atende os interesses de todos os municípios atingidos. “O governo fechou essa questão, essa é a determinação do governador Raimundo Colombo, e não vamos abrir mão daquilo que está no projeto original do Dnit, que atende todos os interesses dos municípios da Grande Florianópolis”, justificou.
 
Cobalchini avaliou que o documento assinado pelo governador mostra o real interesse do estado, e termina a fase de definição do traçado. O diretor da ANTT, Jorge Bastos, garantiu que, assim que as licenças ambientais forem liberadas, as obras devem começar imediatamente.