Com treino na Cidade do Galo, ontem, Colorado encerra preparação para jogo. - Foto: Ricardo Duarte/Inter/Divulgação/Notisul.
Com treino na Cidade do Galo, ontem, Colorado encerra preparação para jogo. - Foto: Ricardo Duarte/Inter/Divulgação/Notisul.

Belo Horizonte (MG)

Em jogo que finaliza a 26° rodada do Campeonato Brasileiro, América-MG e Internacional medem forças hoje, às 21 horas, no Independência, em Belo Horizonte. A partida tem um ingrediente extra: as duas equipes amargam a zona de rebaixamento. Assim, qualquer erro pode ser fatal no final do Campeonato. 

A situação do América-MG é um pouco mais dramática. Lanterna do Brasileirão, com apenas 15 pontos, o Coelho não sabe o que é uma vitória desde a 19° rodada. 

Apesar disso, os mineiros acreditam que uma reação é possível. Vindo de dois empates fora de casa, a meta do América está traçada: vencer os oito jogos que restam no Horto. 

“Tomara que volte aquele América dentro do Horto. Nem sabia desses jogos dentro de casa, oito de 13. Nossa obrigação é vencer os oito, assim estaremos perto de permanecer na primeira divisão. Agora não pode ter falhas ou deixar para fazer no próximo. É o que a gente precisa, não podemos pensar em outro resultado. Só somando os três pontos vamos sair dessa”, afirmou o lateral-esquerdo, Danilo. 

Já o Inter do técnico Celso Roth adotou o tom de mistério e não deu pistas sobre a escalação do Inter. Certo, porém, Ariel, Vitinho e Geferson, machucados, não jogam. 

Além deles, Leandro Almeida, Marquinhos, Jair e Ariel estão em tratamento fisioterápico e também não viajam para Minas Gerais na tarde deste sábado com o restante da delegação. Por outro lado, desfalcam o Inter contra o América-MG. Já o lateral Artur volta de suspensão e está à disposição.

E como prometido o Inter terá alterações para o jogo diante do América-MG. Na tarde de ontem, Celso Roth comandou treinamento na Cidade do Galo e definiu pela utilização de três volantes, com a entrada de Eduardo Henrique no meio para a saída do venezuelano Seijas e no ataque Eduardo Sasha no lugar do uruguaio Nico López. Na defesa, Artur ocupa a vaga de Geferson, suspenso.