Rafael Andrade
Tubarão

O ânimo não poderia ser melhor após as duas vitórias seguidas do Hercílio Luz na Divisão Especial do Campeonato Catarinense. No entanto, dois jogadores preocupam a comissão técnica.
O meia atacante Teco e o centroavante Jadson estão contundidos e podem não se recuperar a tempo para o próximo jogo do time, contra o Camboriú, neste domingo, às 16 horas, no Estádio Roberto Santos Garcia.
Bugrão e Ferrugem também se recuperam no departamento médico. O técnico Paulinho

Portugal pretende manter a boa fase. Por isso, insistiu nas jogadas ensaiadas de linha de fundo, ontem à tarde, no Estádio Anibal Costa. A expectativa do elenco é terminar o primeiro turno com 15 pontos e buscar mais 15 pontos no returno.
O último jogo do Colorado nesta fase é contra o ‘bicho-papão’ Marcílio Dias, goleado pelo Atlético Tubarão por 4 a 0 na última rodada, que ainda está na luta pelo título do turno.

Ainda não há nada definido, mas os diretores de futebol do Leão confirmam a negociação com o meia-campista Jean Michel, que já defendeu as cores do Peixe no ano passado. “Não tem nada certo, mas já entramos em contato com Jean e estamos aguardando a sua resposta”, explica o supervisor de futebol, André Barcelos.
O elenco melhorou muito após a chegada do volante uruguaio Alejandro e do lateral esquerdo Anchieta, semana passada, e mais reforços devem ser anunciados a qualquer momento.

Atlético terá volta de contudidos

O técnico do Atlético Tubarão, Suca, está ainda mais animado com o próximo jogo da equipe, em Joaçaba, neste domingo, às 15h30min, no Estádio Oscar Rodrigues da Nova. Mateus, Paulinho e Rodrigo Feijó foram liberados pelo departamento médico do clube. O trio está à disposição de Suca, que comanda um coletivo hoje à tarde, no Estádio Nereu dos Santos, no bairro São Martinho. Os titulares serão definidos no treino. O massoterapeuta Claudinho garante que os jogadores estão recuperados para o confronto.

Outra novidade é a documentação do ala Valmir, que será entregue hoje na Federação Catarinense de Futebol (FCF). Ele também poderá estar à disposição de Suca.
Se vencer, o Peixe pode assumir a liderança da competição. O time tubaronense surpreendeu até mesmo a diretoria, que montou o elenco em 20 dias. A campanha do Tricolor da Vila é muito boa. Em sete rodadas e 21 pontos disputados, conquistou quatro vitórias, dois empates e somente uma derrota. Tem quase 67% de aproveitamento e 14 pontos ganhos.

Segundo a matemática feita por algumas diretorias dos dez clubes que disputam o campeonato, cerca de 30 pontos serão necessários para alcançar a classificação para o quadrangular final.
Independente disso, o Peixe pode carimbar-se entre os quatro melhores na última rodada, contra o Concórdia, no Estádio da Vila, em Oficinas.