Criciúma e Metropolitano entraram em campo na tarde deste domingo no Complexo Esportivo do Sesi, em Blumenau, em busca da vitória, já que ambos precisavam dos três pontos. Porém foi o Tigre que levou a melhor. Apesar da partida equilibrada em uma roubada de bola, Andrew marcou o gol da vitória do Criciúma, no confronto válido pelo Campeonato Catarinense. “Uma bobeira do zagueiro, graças a deus eu fui feliz e consegui fazer o gol. Agora depende de nós, apesar dos reultados, temos que fazer a nossa parte primeiro. Tem mais um jogo quarta-feira, mas um jogo decisivo temos que entrar ligado e fazer a nossa parte”, comentou na saída do gramado o atacante Andrew.

A primeira etapa começou equilibrada com as duas equipes buscando o gol. Logo aos seis minutos, em jogado pela esquerda, Ari recebeu dentro da área e chutou para fora. Na sequencia, aos oito minutos, em cobrança de escanteio, a bola sobra pra Sandro que finalizou mas a bola pegou na zaga e saiu. Aos 16 minutos, também, em cobrança de escanteio, a bola é desviada a zaga do Metro tirou em cima da linha, na sobra Reis tentou de bicleta a bola bateu em Sandro que tentou o chute, mas acertou o goleiro Fabian Volpi e é marcada a falta. Aos 20 minutos Marlo recebeu livre do lado esquerdo e cruzou, a zaga afastou, mas na sobra Julimar mandou uma bomba para a defesa de Fabian Volpi. Já aos 32 minutos, Ari recebeu na entrada da área e arriscou o chute, Vinícius segurou a bola com tranquilidade.

No segundo tempo as equipes entraram abertas em busca da vitória e quem teve a primeira oportunidade foi o Metropolitano que, aos quatro minutos, em cobrança de falta o zagueiro Café apareceu na área e cabeceou com perigo para fora. Logo aos seis minutos, o atacante Andrew roubou a bola do zagueiro Café entrou na aera e bateu na saído do goleiro Fabian Volpi para abrir o placar em favor do Criciúma. Aos 11 minutos, Ari deu um casquinha e a bola sobrou limpara para Júnior Pirambu que meteu um bomba por cima da trave, quase o empate. Já aos 19 minutos Julimar recebeu livre na área, mas chutou fraco para a defesa de Fabian Volpi e desperdiça a chance de ampliar o placar. Aos 24 minutos, novamente Julimar que recebeu uma bola da direita entrou na área e chutou cruzado para fora. Mesmo com um jogador a menos, já que Márcio Rozário recebeu o segundo amarelo e foi expulso, o Metropolitano pressionou o Tigre, mas sem efetividade. No final da partdia, após cruzamente, Reis apareceu livre no meio da pequena área, mas chutou fraco para a defesa de Fabian Volpi e o Tigre perde a chance de ampliar o placar.