Para o Criciúma, o clima é de decisão   -  Foto: Fernando Ribeiro/Criciúma E.C./Notisul
Para o Criciúma, o clima é de decisão - Foto: Fernando Ribeiro/Criciúma E.C./Notisul

 

Criciúma
 
Depois de quatro vitórias seguidas, três pelo Campeonato Catarinense e uma na Copa do Brasil, o Criciúma tem um importante desafio hoje, às 22 horas. O Tigre enfrenta o Figueirense, pela sexta rodada do returno do estadual, no Estádio Heriberto Hülse. Os criciumenses podem assumir a liderança em caso de vitória contra a equipe de Florianópolis.
 
No momento, o Criciúma ocupa a terceira colocação do returno, com 12 pontos. O Figueirense é o líder, com 13. O Joinville está na segunda posição, também com 13 pontos. “Vivemos um momento especial. Nosso maior reforço para esta partida é a torcida. Vamos encarar o jogo para seguir em frente. O clima de decisão instalou-se no Heriberto Hülse”, conta o técnico Sílvio Criciúma.
 
Além de uma vitória ser importante para lutar pelo título do returno, os três pontos também ajudam o Criciúma na classificação geral. No Catarinense, avançam às semifinais os campeões do turno e do returno e mais dois times por índice técnico. Depois de encarar o Figueirense, o Tigre jogará fora de casa no domingo, contra o Joinville. 
 
“É uma semana de duas decisões. Estamos focados”, diz o volante Jackson, que volta ao time após cumprir suspensão automática pelo terceiro cartão amarelo.