Marco Antonio Mendes
Tubarão

Ao que tudo indica, o Atlético Tubarão entrará em campo amanhã, contra o Joinville, na Arena, sem um treinador oficial. O auxiliar-técnico Rodolfo Oliveira e o diretor de futebol Robertinho Rodrigues é que devem ficar com o comando. Ambos, inclusive, trabalharam com os jogadores na tarde de ontem, no Estádio Domingos Gonzales.
“Estamos fazendo alguns contatos. Ainda não temos uma decisão, mas amanhã (hoje) pela manhã vamos nos reunir para definirmos esta situação. Se não tivermos um técnico para a segunda rodada do returno, muito provavelmente levaremos o nome mais indicado para estar ao nosso lado, observado”, afirma Robertinho.

Rafaeli Granite é o mais indicado para assumir a vaga. Ele já comandou o Criciúma, Joinville e também teve passagem por Tubarão. Conforme o dirigente, o contrato com o treinador já é negociado, uma vez que questões financeiras também estão em jogo. “Nosso maior problema é o financeiro, não podemos trazer um técnico muito caro”, avalia Robertinho.
Além de Granite, Gonzaga Milioli também está na lista dos preferidos da diretoria. Seu nome também havia sido cogitado antes de Joceli dos Santos ser confirmado como o segundo comandante do Atlético Tubarão.