Criciúma

Falta educação para milhões de brasileiros, por isso o país está tão complicado, principalmente de quem detém o poder, mais especificamente nas esferas do executivo e legislativo, mas também há muita falcatrua no mundo do futebol, não foi por acaso que alguns presidentes da CBF já chegaram a ser afastados por corrupção, outros até presos. E foi no esporte que uma das cenas mais lamentáveis do ano foi registrada, no Sul de Santa Catarina, em Criciúma, no Estádio Heriberto Hülse neste domingo (23), dia em que o Tigre multicampeão bateu a Chapecoense por 1 x 0 pela última rodada do segundo turno do Campeonato Catarinense. Um vídeo que está circulando nas redes sociais mostra alguns torcedores do Tricolor Carvoeiro cantando: “ão, ão, ão, abastece o avião”, em referência à tragédia envolvendo a Chapecoense, no fim de novembro do ano passado.

A aeronave que levava o elenco do clube de Chapecó para a Colômbia, onde o time disputaria a final da Copa Sul-Americana, caiu por falta de combustível, segundo apontou as autoridades. Ao todo, 71 morreram (19 jogadores, 20 jornalistas, 14 integrantes da comissão técnica, nove dirigentes, dois convidados e sete tripulantes).

Os responsáveis pelo infeliz canto foram vaiados por outros torcedores do Criciúma, que, por sua vez, aplaudiram quando a Chapecoense ergueu o troféu de campeã do segundo turno, merecidamente, o que já havia assegurado antes da última rodada. O duelo deste domingo foi somente para cumprir tabela para as duas equipes. A Chape decidirá o título do Estadual com o Avaí, vencedor do primeiro turno. As finais começam a ser disputadas no próximo fim de semana.

Confira o lamentável vídeo de uma parcela mínima da gigante e gloriosa torcida do Tigre: