Foto:Divulgação/Notisul
Foto:Divulgação/Notisul

Tubarão

Encerrado. Os cadastros de danos realizados entre os dias 22 de outubro e o último dia 7 pelas vítimas do vendaval já podem ser consultados no site da prefeitura. Os endereços constantes, no referido relatório, foram disponibilizados pela população atingida até as 18 horas dessa sexta-feira e servirão como base para a liberação do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS). 

De acordo com a coordenadora da Defesa Civil em Tubarão, Elna Fátima Pires, a partir de agora as informações passam por uma triagem para em seguida serem encaminhadas à Caixa Econômica Federal. “As informações serão tratadas e na próxima semana serão entregues ao órgão responsável”, afirma. 

A coordenadora explica que a expectativa é que até a primeira quinzena de dezembro a população receba o valor proveniente do FGTS. Para isso, a equipe da prefeitura, responsável pelo cadastramento, irá atender a população em um local específico que em breve será divulgado. “Serão 12 dias de atendimento estipulado pelo mês de nascimento do cidadão titular da conta. Faremos um trabalho organizado para dar agilidade a esse processo”, destaca. 

Titular da conta
Para a liberação do FGTS, o endereço residencial do titular da conta deverá estar contemplado no relatório de danos. Por exemplo: se em uma casa moram cinco pessoas, sendo que o titular do endereço é aposentado e não tem FGTS a receber, os demais moradores da residência poderão sacar o benefício, desde que tenham um grau de parentesco com o proprietário (filhos e cônjuge). Ressalta-se que os trabalhadores que residem em endereços que não estejam contemplados na planilha não poderão acessar os recursos do FGTS. “Os casos diferenciados terão um acompanhamento da comissão organizadora que se necessário irá in loco averiguar a situação”, enfatiza a coordenadora da Defesa Civil de Tubarão.