Foram feitas 14 coletas de material entre sábado e a madrugada de ontem.
Foram feitas 14 coletas de material entre sábado e a madrugada de ontem.

Zahyra Mattar
Tubarão

O crescente número de novos casos suspeitos da nova gripe em Tubarão parecem ter se estabilizado ontem. Durante a madrugada, a equipe de plantão da 20ª gerência regional de saúde em Tubarão fez uma coleta de material em um paciente suspeito, em Jaguaruna. No fim de semana, a quantidade de procedimentos feitos foi 13 (12 em Tubarão e uma criança em Jaguaruna).

Domingo, quando os dados ainda eram apurados, não havia informação se estes novos pacientes com sintomas que podem ser o da gripe A estavam ou não internados. Ontem, a 20ª gerência de saúde confirmou que todos estão hospitalizados, inclusive o diagnosticado durante a madrugada.

Desta forma, sobe para 19 o número de pessoas internadas por conta de serem suspeitas de estarem com o vírus A (H1N1). A maioria destes pacientes, 15, está no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), em Tubarão. Dos outros quatro, dois estão no Socimed, também em Tubarão, e dois no Hospital de Caridade de Jaguaruna (HCJ).

Ainda, dos 15 pacientes no HNSC, um está na UTI desde sábado. Trata-se de um homem de 27 anos com problemas respiratórios graves. O seu quadro é considerado estável. Um outro paciente, também internado na UTI do HNSC, recebeu alta ontem e recupera-se no quarto.

Todas as pessoas internadas, independente da instituição de saúde, estão em quartos isolados e não oferecem risco de contaminação aos outros pacientes. As outras pessoas com suspeita recuperam-se bem em casa e não precisaram de internação hospitalar por apresentarem sintomas brandos de gripe.

Números
Desde o começo da pandemia, em maio, Tubarão teve apenas um caso confirmado (em uma mulher de 26 anos). De todos estes casos suspeitos na cidade (32 no total – veja os números no quadro), somente um foi descartado até agora (um homem). Todos os outros aguardam os resultados para confirmar, ou não, a doença.