Jaguaruna

Duas mulheres, de 31 e 35 anos, foram presas em Jaguaruna. Ambas tinham um mandado de prisão preventiva por tráfico de drogas em aberto.

Há meses, policiais civis e militares do município recebem denúncias da atuação das irmãs na cidade. Elas foram detidas na casa onde residiam, no bairro Retiro, através de mandado de busca e apreensão.

A polícia não teve êxito em localizar drogas, no entanto foi encontrada uma balança de uso doméstico – característico da atividade de tráfico – e plásticos recortados em formato de embalagem para drogas.  

A mulher de 35 anos, no momento da abordagem, alegou que estava sem seus documentos. Então, foi ‘convidada’ pelos policiais a acompanhá-los até a delegacia.
Na pesquisa para identificá-la, junto ao Sistema Integrado de Segurança Pública (SISP), ela ficou com medo porque havia dado um outro nome, e confessou que tinha a prisão preventiva decretada por tráfico de drogas em Laguna.

Em contato com a polícia da Cidade de Anita, foi descoberto que havia a existência de igual ordem contra sua irmã, a de 31 anos.

Elas foram encaminhadas para o Presídio Regional de Tubarão. Participaram da operação de prisão policiais civis e militares de Jaguaruna.