O Ginásio Otto foi atingido por uma tempestade e está com 80% da estrutura comprometida.
O Ginásio Otto foi atingido por uma tempestade e está com 80% da estrutura comprometida.

Rafael Andrade
Tubarão

Após o plano de contenção de gastos da prefeitura de Tubarão, muitos serviços considerados não urgentes deixaram de ser realizados. A limpeza e manutenção dos ginásios municipais é um desses trabalhos.
O município tem responsabilidade por quatro ginásios: Otto Feuerschuette, na Vila Moema, José Warmuth Teixeira e Francisco Salgado Filho (Salgadão), em Oficinas, e Paulo Jacob May, no bairro Humaitá.

A secretária de cultura, esporte e turismo da prefeitura, Alba Lígia Koenig Pires, avalia a situação dos ginásios. “No José. W. Teixeira e Paulo J. May, a limpeza diária e outros trabalhos de manutenção foram interrompidos. O prefeito, Manoel Bertoncini, pediu a todos os secretários para realizar um planejamento de contenção de gastos. Em relação a esses dois ginásios, executávamos a limpeza diária. Agora, limpamos uma vez por semana, quando dá”, explica a secretária.

O Ginásio Otto Feuerschuette foi atingido por uma tempestade, com ventos a 104km/h, no fim de janeiro, e está com 80% da estrutura comprometida. Metade das telhas de alumínio foi arrancada pelo vento e jogada a metros de distância. Uma parede lateral do ginásio foi destruída e os quatro pilares que dão sustentação ao teto. O ginásio passou por uma reforma há cerca de seis anos.

“O Otto será novamente reformado no ano que vem. Já incluímos a na dotação orçamentária de 2010 da Comissão Municipal de Esportes (CME)”, afirma Alba Lígia Koenig Pires.
Já no Salgadão, em Oficinas, existe um termo de comodato com a Unisul, para uso específico da universidade, também responsável pela manutenção local.