A primeira etapa de instalação de vigas no viaduto duplo de acesso principal a Capivari de Baixo, está finalizada. Foto: Muriel Albonico/Esga-Dnit/Notisul
A primeira etapa de instalação de vigas no viaduto duplo de acesso principal a Capivari de Baixo, está finalizada. Foto: Muriel Albonico/Esga-Dnit/Notisul

Zahyra Mattar
Tubarão

Obviamente a duplicação da BR-101 sul, em termos gerais, deveria ter terminado há anos. Por outro lado, passados tempos nebulosos, os relatórios mensais produzidos pelo Departamento Nacional de Infraestrutura em Transportes (Dnit), mostram que o ritmo das obras é satisfatório.

A última medição é relativa a fevereiro, quando a intensidade dos trabalhos, em toda a extensão da rodovia, precisaram desacelerar em virtude do verão e do Carnaval, tamanho foi o fluxo de veículos.
Mesmo com esta dificuldade, mais três quilômetros de pistas duplas foram finalizadas e liberadas. Com isso, ainda restam 31,2 quilômetros a serem duplicados. Dos nove lotes de obras, quatro estão concluídos, três em fase de acabamento (pistas 100% duplicadas e liberadas ao tráfego) e dois ainda têm serviços de grande volume para ser executados.

No lote 25, entre Laguna e Capivari de Baixo, ainda restam 5,15 quilômetros de terraplanagem, 6,22 quilômetros de pavimentação e dois viadutos para serem iniciados. No momento, o consórcio Araguaia/Blokos/Emparsanco atua na confecção de quatro viadutos (o duplo de acesso a Capivari e três simples, na Cidade de Anita).

Também são abertas as novas pistas na comunidade de Bananal, em Laguna, e feita a terraplanagem nas proximidades de obras-de-arte especiais (OAEs). O outro lote ainda com grande volume de obras é o 29, entre Araranguá e Sombrio.
O consórcio Construcap/Modern/Ferreira Guedes atua na finalização do contorno de Araranguá, na confecção de quatro viadutos (acessos à praia da Caçamba, a Ermo, a Campo D’Água e a Sombrio), pavimentação e terraplanagem de dois trechos.

Lote 25 | Extensão: 22 km (entre Laguna a Capivari)

O que já está feito
• 76,56% de terraplenagem (16,85 km).
• 71,73% de pavimentação (15,78 km).
• 55,06% de obra-de-arte especial (três viadutos concluídos e cinco em obras).

Serviços remanescentes
• Terraplenagem: 5,15 quilômetros.
• Pavimentação: 6,22 quilômetros.

Atividades desenvolvidas em fevereiro
• Escavação de rocha no viaduto de acesso ao Bananal, em Laguna. Iniciada as cabeceiras dos viadutos simples do KM 37, Santiago, Estiva e Vila Flor, além do duplo em Capivari de Baixo.

Obras de arte especial em execução
• Viaduto duplo de acesso principal a Capivari de Baixo.
• Viaduto simples de acesso ao KM 37.
• Viaduto simples de acesso a Santiago.
• Viaduto simples de acesso a Estiva.