#PraCegoVer Na foto, uma viatura policial com o giroflex ligado
- Foto: ilustrativa

Um crime de adulteração de sinal identificador de veículo automotor foi registrado nesta terça-feira (12), em Capivari de Baixo. O fato ocorreu por volta das 8h.

A guarnição da Policia Militar foi acionada, pela Central Regional de Emergências, para averiguar uma denuncia de que um automóvel de modelo Fox, de cor branca, estacionado no posto de saúde do bairro Santo André, teria sido clonado.

Os policiais estiveram no local, mas o veículo já havia saído. Vale ressaltar que a guarnição já tinha informação de que um veículo com essas características, por vezes ficava em uma casa no mesmo bairro.

Então a guarnição seguiu até a Rua Alvernio José Dandolone e encontrou o carro parado em frente a entrada e saída de uma residência. Ao descer da viatura para verificar o automóvel, notou que havia um homem próximo ao veículo. Ao ser questionado se era o proprietário ele afirmou e veio até a guarnição.

O homem foi então abordado e efetuada busca pessoal. Nada de ilícito foi encontrado com ele, no entanto a chave do automóvel estava em seu bolso. Que em ato contínuo a guarnição realizou uma busca no veículo, a fim de identificar a situação.

Foi identificado que a placa que estava no veículo, não seria a dele. Em consulta via sistema os policiais descobriram que a placa citada pertencia a um automóvel Fiat/Uno de cor verde e não de um Crossfox. Pelo número do chassi do veículo abordado, foi possível fazer a identificação do veículo como um VW/Novo Crossfox MA.

O proprietário do veículo confirmou que trocou a placa do veículo, caracterizando o crime de Adulteração de sinal identificador de veículo automotor. Por fim, o homem e o veículo VW/Novo Crossfox MA, foram conduzidos até central de Polícia Civil de Tubarão para o procedimentos cabíveis.