O inquérito da Divisão de Investigação Criminal da Polícia Civil (DIC/PC) de Tubarão será concluído nos próximos dias, com o indiciamento do suspeito - Foto: Polícia Civil de Santa Catarina | Divulgação

Em pouco mais de dois meses de trabalho, a Divisão de Investigação Criminal da Polícia Civil (DIC/PC) de Tubarão identificou e deteve os dois acusado pelo homicídio do Douglas Rodrigues Nandi, de 36 anos. Ele foi morto a pauladas e facadas, na madrugada do dia 26 de novembro do ano passado, no bairro São Clemente.

O irmão da vítima, um adolescente de 17 anos, é apontado como o mandante do crime. Ele foi apreendido no dia 3 deste fevereiro pelos agentes da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) e está internado, à disposição da Justiça, no Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep) de Tubarão.

O rapaz identificado pela DIC agora, de 18 anos, é suspeito de ser o cúmplice do adolescente. A Polícia Civil apresentou um mandado de prisão à 1ª Vara Criminal de Tubarão. O pedido foi deferido e cumprido nesta terça-feira (15). O acusado já estava recolhido no Presídio Regional da cidade pelo crime de tráfico de drogas. O inquérito policial será concluído nos próximos dias, com o indiciamento do suspeito.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul