Tubarão

A Polícia Militar de Tubarão recebeu informações que três pessoas em um Palio estavam passando nas casas pedindo doações. De acordo com a denúncia, um homem e duas mulheres pediam dinheiro em nome de uma instituição de Tubarão. A Central de Emergências entrou em contato com a entidade, que informou não ter autorizado ninguém a efetuar pedido de dinheiro nas casas.

Com essa informação, os policiais que estavam em ronda localizaram o veículo com os suspeitos. Ao abordar o veículo, os suspeitos informaram que estavam fazendo um serviço voluntário, arrecadando fundos para a Casa Lar de Maracajá, uma casa de apoio a velhinhos. Eles mostraram crachás, documentos e algumas doações que estavam no interior veículo.

Os policiais entraram em contato com a Polícia Militar de Maracajá, que informou que o CNPJ usado pelos suspeitos não existe mais e a casa em questão se encontrava fechada há algum tempo. As entidades que prestam assistência a idosos em Maracajá também não haviam orientado ninguém a pedir dinheiro em nome deles.

Com isso, os policiais prenderam os suspeitos pelo crime de estelionato e os encaminharam para a Central de Flagrante.