Após receber a informação de que na rua Irmã Vera, no bairro Vila Vitória, em Laguna, ocorria a venda de entorpecentes em uma casa, a Polícia Militar (PM) da cidade foi ao local. A guarnição flagrou cerca de seis usuários quando compravam drogas neste sábado (5) por volta das 17h.

Com o apoio de outras guarnições, um cerco foi realizado. Um adolescente de 17 anos tentou fugir ao ver a PM. Ele foi abordado e, nas buscas na casa, os policiais encontraram 77 pedras de crack (20 gramas), uma bucha de cocaína, dois torrões de maconha (16 gramas) e uma quantidade em dinheiro proveniente da venda das drogas.

O rapaz foi conduzido à delegacia de Polícia Civil de Laguna.

Muitos adolescentes são aliciados por traficantes
O envolvimento de adolescentes no mundo do tráfico é crescente. Muitos são aliciados por traficantes. Isso porque eles não se enquadram na maioridade penal – têm idade inferior a 18 anos – e não são presos, mas apreendidos.

Depois são aplicadas medidas socioeducativas, por meio da legislação especial do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Em crimes de maior gravidade, como homicídio, por exemplo, são encaminhados para Centros de Internação Provisória. Isso quando há vagas disponíveis para a internação, pois há uma carência grande nesse sentido em várias cidades de Santa Catarina, assim como no Brasil.

O assunto gera polêmica e muito se discute pela redução da maioridade penal, o que provoca divergência de opiniões sobre o tema por parte de vários órgãos das áreas da segurança e da assistência social.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul