Uma mulher suspeita de matar um homem com 30 tiros foi presa na tarde de terça-feira (30), em Palhoça, na Grande Florianópolis. O crime ocorreu no dia 1º de abril, no bairro Mathias Velho, em Canoas, na região Metropolitana de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul.

Segundo a Polícia Militar, a motivação do crime seria que a vítima, responsável pelo transporte de entorpecentes, teria se apropriado de uma grande quantidade de drogas.

A mulher, que tem 50 anos, foi detida em um desdobramento da Operação Trapaça, que envolve policiais do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina.