O mandado de busca e apreensão foi cumprido na casa do ladrão, onde havia diversos objetos furtados   -  Foto:Polícia Civil de Grão-Pará /Divulgação/Notisul
O mandado de busca e apreensão foi cumprido na casa do ladrão, onde havia diversos objetos furtados - Foto:Polícia Civil de Grão-Pará /Divulgação/Notisul

Grão-Pará

Uma série de furtos a residências, ocorrida nos últimos meses em Grão-Pará, levou a Polícia Civil a intensificar a investigação para elucidar os crimes. Várias pessoas procuraram a delegacia para registrar os boletins de ocorrência. 

Ontem pela manhã, policiais civis e militares, por meio de um mandado de busca e apreensão, entraram na casa de um homem e encontraram diversos objetos, que estarão à disposição das vítimas nos próximos dias para o reconhecimento. O homem de 33 anos confessou os crimes e ainda disse à polícia estar arrependido porque muitas vezes invadiu casas de antigos amigos de infância. 

Neste período de investigações, uma das pessoas lesada pelo ladrão tentou fazer justiça com as próprias mãos ao atropelar o acusado, que teve lesões por causa do acidente. Agora, ambos respondem pelos atos praticados. As investigações para chegar à autoria dos crimes foi coordenada pelo delegado Marcelo Bitencourt.