Sequestrados há 3 dias no município de Nova Alvorada, a 107 km de Campo Grande, pai e filho foram encontrados no estado do Mato Grosso e voltaram para a cidade de origem, Pimenta Bueno (RO), nesta quarta-feira (25). Na ocasião a vítima conduzia um caminhão, quando foi abordada por bandidos durante a madrugada. O filho dele, um adolescente de 13 anos, estava como passageiro.

“Eles chegaram aqui no final da manhã e agora meu marido saiu para ir lá ver o pai dele, que estava muito preocupado. É a segunda vez que acontece isso com ele e, infelizmente, cheguei a pensar o pior. Mas, graças a Deus está tudo bem com ele e meu enteado. Meu restinho de Natal será em paz”, afirmou ao G1 a esposa de uma das vítimas, a vendedora Akira Abigail, de 29 anos.

Conforme Akira, o marido saiu de casa no dia 17 de dezembro e parou, pela primeira vez, em Chupinguaia, que fica no mesmo estado. No último domingo (22), às 7h (de MS), ela perdeu o contato. “Não conseguiram mais rastreá-lo desde então. E a sorte é que ele não levou a nossa filha de 7 anos, que estava tomando remédio, tinha a hora certo para isso e eu não deixei”, relembrou.

Com as buscas da polícia de Mato Grosso do Sul e outros estados comunicados, pai e filho foram encontrados em Alto Paraguai (MT). “Lá eles prestaram depoimento na delegacia e vieram embora. Meu marido trabalhou mais de 10 anos como motorista e agora ele não quer mais. Pretende vender o caminhão e não trabalhar mais com isso”, disse.

A reportagem tentou contato com o delegado responsável pelo caso. No entanto, ele não atendeu as nossas ligações. Já a Polícia Rodoviária Federal (PRF), que também ajudou nas buscas pelas vítimas, informou que passará mais detalhes da ocorrência.