O autor da chacina na Escola Pró-Infância Aquarela, em Saudades no Oeste de Santa Catarina, Fabiano Kipper Mai, de 18 anos, teve alta do Hospital Regional Oeste, em Chapecó, nesta quarta-feira (12).  Ao deixar a unidade hospitalar, o homem foi levado para o Presídio Regional de Chapecó.

Fabiano ficou oito dias internado devido a diversas lesões no corpo provocadas por ele próprio, as mais graves no pescoço, tórax e na perna. O jovem foi preso em flagrante após matar cinco pessoas na unidade de ensino na manhã do dia 4 de maio e teve a prisão preventiva decretada um dia depois.

Três crianças foram assassinadas Sarah Luiza Mahle Sehn, um ano e sete meses, Anna Bela Fernandes de Barros, um ano e oito meses, Murilo Massing, um ano e nove meses e duas professoras, Mirla Amanda Renner Costa, 20 anos, e Keli Adriane Aniecevski, 30. Um bebê de 1 ano e 8 meses sobreviveu à chacina. O menino foi socorrido por uma professora que mora ao lado da creche e foi levada por ela e pelo pai até o hospital.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

 Foto: Roberto Bortolanza/NDTV