Foto: PRF | SC

Ainda que o número de acidentes e feridos tenha aumentado nas rodovias federais de Santa Catarina nos últimos anos, a quantidade de pessoas que perderam a vida nas colisões caiu.

Conforme o levantamento feito pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) no Estado, houveram 7.880 acidentes no ano passado, nos quais 8.691 pessoas ficaram feridas e 357 morreram.

No comparativo com o ano anterior, 2020, a quantidade de acidentes cresceu 9,2% e a de feridos 5,1%. Contudo, a quantidade de falecimentos é menor: redução de 6,5%.

Este é o menor número de mortes em rodovias federais de Santa Catarina em 26 anos. A estrada com a maior quantidade de registro de falecimentos é a BR-101, seguida da BR-282. Confira no quadro abaixo:

Rodovia Acidentes Feridos Mortos
BR-101 4.100 4.307 129
BR-282 1.176 1.343 87
BR-470 1.207 1.405 69
BR-280 748 938 34
BR-116 328 358 23
BR-153 79 88 11
BR-480 61 43 02
BR-163 153 170 01
BR-158 28 39 01

 

 

Falta do uso do cinto de segurança é a principal infração
Apesar da pandemia e do isolamento social, a PRF em Santa Catarina, a quantidade de motoristas flagrados em desacordo com as leis de trânsito surpreendeu em 2021.

A principal infração foi a falta do uso do cinto de segurança: 21.112 pessoas foram flagradas nesta condição.

Na sequência das infrações mais cometidas está a ultrapassagem em local proibido, ato cometido por 12.210 condutores.

O uso do telefone celular enquanto dirige (5.817 autuações) e dirigir sob efeito de álcool (3.594 motoristas) ocupam a terceira e quarta posição na lista de flagras.

Ao todo, os policias também autuaram motoristas que transportavam crianças sem cadeirinha específica – foram 1.154 pequenos nesta condição e retiraram de circulação um total de 3,320 milhões de quilos de excesso de peso em veículos de carga.

Excesso de peso em veículos de cargas foi uma das principais infrações cometidas nas rodovias federais de Santa Catarina (foto: PRF | SC)

 

Combate ao crime
Na área criminal, a PRF catarinense bateu recorde de apreensões de maconha, com 80,6 toneladas, no ano passado.

Também foram apreendidas 1,2 tonelada de cocaína e crack, 13.415 comprimidos de ecstasy e anfetaminas e 47 mil litros de bebidas alcoólicas importadas irregularmente.

Ainda no ano passado, 364 veículos roubados foram recuperados – uma média de quase um carro por dia – e 2.506 pessoas foram detidas por crimes diversos nas rodovias federais do estado.

 

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul