Os suspeitos do assassinato da adolescente Luna Bonett Gonçalves, de 11 anos, continuarão presos. A informação foi divulgada na noite desta quarta-feira (11), pela Delegacia de Polícia Civil de Timbó.

O crime ocorreu no dia 14 de abril em Timbó, no Vale do Itajaí. A mãe da adolescente confessou ter matado a filha espancada. As investigações ainda não foram finalizadas pela Polícia Civil, que acredita que o trabalho será concluído dentro do prazo de prorrogação da prisão temporária dos suspeitos.

Em nota, a Polícia Civil esclarece que foi renovada a prisão temporária dos investigados no caso Luna pelo prazo de 30 dias, a contar do dia 15 de maio. A intenção da Polícia é impedir que os suspeitos possam interferir nas investigações ao conversarem entre si ou com outras pessoas envolvidas no caso.

 

Relembre o caso

A menina de 11 anos foi encontrada morta em casa na madrugada da quinta-feira, 14 de maio, em Timbó. Segundo a PM, ela estava com marcas de violência pelo corpo. A vítima foi encaminhada ao hospital, mas quando chegou já estava sem sinais vitais. A Polícia Civil abriu um inquérito para investigar a causa da morte.

A primeira versão da mãe e do padrasto era de que a criança havia caído da escada e, durante a noite, passado mal. O casal chegou a levar a menina até o hospital, mas ela já estava sem vida quando deu entrada na unidade. Segundo laudo, a menina tinha ferimentos no baço, pulmão, crânio, alças intestinais e lacerações na vagina. Porém, além do exame cadavérico, a perícia realizada na casa do casal mostrou que diversos locais do imóvel tinham vestígios de sangue como no sofá, em uma fronha e uma calça masculina.

Em novo depoimento a mãe da menina confessou ter matado a filha espancada. A mulher mudou a versão do depoimento após perícia revelar que a vítima tinha diversas lesões pelo corpo. Ela confessou ter espancado a criança com socos e chutes. A Polícia Civil cumpriu mandados de prisão preventiva contra o casal na sexta-feira, 15 de maio.

 

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: O Município