Na manhã desta sexta-feira (29), um apenado do regime semiaberto, que presta serviço ao Departamento Municipal de Trânsito de Imbituba desapareceu após cair de uma pedra próxima ao costão da praia de Itapirubá, região Sul do município.

A.S.P., de 27 anos, estava junto a funcionários da Prefeitura de Imbituba e a outros apenados colocando placas de sinalização e proibição de veículos na Praia Sul de Itapirubá.

Ao terminar o trabalho, o apenado pediu para se limpar, já que estava cavando os buracos para as placas, e sumiu na forte correnteza.

Segundo informações da assessoria de imprensa do Demutran, o diretor de Trânsito, Antonio Roz, e os funcionários estavam trabalhando na orla e A., que é natural de Laguna, entrou no mar e “sumiu” ao “cair em um buraco”.

O diretor de Trânsito, Antônio em um áudio, veiculado nas redes sociais não poupou elogios ao “reeducando”, que definiu como sendo um jovem muito trabalhador e que estava já encaminhando documentação para trabalhar assim que cumprisse a pena. Roz disse que inclusive ele e outro reeducando tinham autorização judicial para tirarem a Carteira de Habilitação e diariamente o Departamento levava os dois para as aulas no CFC e depois retornavam ao trabalho. À noite, eles eram levados de volta à Unidade Prisional Avançada. 

O diretor de Trânsito da Prefeitura de Imbituba revelou detalhes sobre o desaparecimento do detento, que aconteceu no final da manhã desta sexta-feira. 

Ele e uma equipe de trabalhadores estavam instalando quatro placas próximo ao costão e ao terminarem o serviço, pediu ao encarregado permissão para se lavar, já que era o responsável por cavar os buracos e estava sujo de areia. Sem camisa, o jovem foi até as pedras e estava se lavando quando caiu, chegou a gritar por socorro, mas sumiu rapidamente nas águas, sendo levado pela forte correnteza. 

Polícia militar, Bombeiros e uma equipe de mergulhadores estão neste momento no local realizando buscas para o preso desaparecido.