#PraCegoVer Na foto, um grupo de pessoas
Os nove heróis da região não têm capa. Eles vestem fardas marrons e azuis e têm coragem e desprendimento para ajudar a população nos piores momentos de suas vidas - Foto: Vicente Schmitt | Agência AL | Divulgação

Formalmente, são nove integrantes da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar de Laguna, Içara, Braço do Norte, Tubarão e Treze de Maio. Para a sociedade nove heróis desconhecidos, mas que fizeram a diferença quando pessoas comuns, desconhecidas, pediram socorro, mesmo sem dizer a palavra! Estes nove militares foram homenageados pela Assembleia Legislativa com moção de aplauso, ainda que mereçam muito mais do que isso. O ato foi uma iniciativa do deputado Ismael dos Santos (PSD). “São nove soldados valorosos que merecem o aplauso da sociedade catarinense. Muito mais do que reconhecer a bravura destes homens, o gesto deles é um ato pedagógico já que se tornam referência para as novas gerações”, enobrece o deputado.

A primeira moção foi entregue ao cabo da reserva Carlos Alberto Martins, do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, que continua na ativa como mergulhador salva-vidas. No dia 14 de janeiro deste ano, ele estava no Iate Clube de Laguna quando ficou sabendo do naufrágio de uma lancha nos molhes, momento em que se prontificou a ir imediatamente até o local. Junto com os colegas, cabo Martins ajudou a salvar três dois oito homens que se afogaram.

Em seguida foram homenageados os soldados Jederson Bento de Bittencourt e João Paulo José Santos da Silva, também Corpo de Bombeiros Militar, por ato de bravura em Tubarão. Eles avistaram uma mulher, bastante perturbada, com metade do corpo para fora da ponte Manoel Alves dos Santos, no bairro Morrotes. O primeiro contato foi bem difícil, pois ela estava irredutível e não queria a presença dos soldados. Apesar disso, ambos conseguiram controlar a situação e a vítima foi encaminhada ao Hospital Nossa Senhora da Conceição.

A terceira moção foi entregue ao sargento César José Querino e ao cabo Diógenes Querino, da Polícia Militar, pelo ato de bravura praticado no salvamento de um bebê de apenas 42 dias, em Treze de Maio. Apesar de ambos não possuírem qualificação técnica suficiente para efetuar socorro emergencial, no dia 19 de maio de 2019 atenderam ao chamado dos pais da criança, que estava engasgada. Prontamente, os policiais se deslocaram até a residência da família e começaram os procedimentos necessários para salvar o bebê.

A quarta moção foi entregue aos soldados Kleber Goulart e Vitor Hugo de Souza, da Polícia Militar,  por impedirem que um homem cometesse suicídio na BR-101, em Içara. No dia 16 de novembro de 2021, eles foram acionados para atendimento de ocorrência no km 379 da rodovia, bairro Vila Nova. O homem está pendurado do lado de fora da passarela, pronto para se jogar na rodovia. O soldado Goulart se identificou e, em um movimento rápido e preciso, segurou um dos braços da vítima, que ainda se debateu contra o parapeito tentando resistir. O soldado De Souza, que estava no controle do trânsito, correu para ajudar e, juntos, conseguiram puxar o homem.

A quinta moção saudou o cabo Josué Farias Flor e o soldado Murilo de Oliveira Medeiros do Corpo de Bombeiros Militar de Braço do Norte. Eles resgataram, no dia 20 de fevereiro de 2022, um homem que subiu em uma torre de telefonia com aproximadamente 50 metros de altura para cometer suicídio. A ocorrência estendeu-se por cerca de 5 horas. Mesmo sob chuva forte e relâmpagos, os bombeiros permaneceram no alto da torre conversando com a vítima até que o convenceram a colocação de uma cadeira de alpinista.

Fonte: Agência Alesc
Edição: Zahyra Mattar | Notisul

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul