#Pracegover foto: na imagem há duas pessoas e uma viatura policial
#Pracegover foto: na imagem há duas pessoas e uma viatura policial

A Polícia Civil de Santa Catarina, por meio dos policiais da Delegacia de Orleans, deu cumprimento, nesta sexta-feira, dia 8, a um mandado de prisão decretado por sentença definitiva, em razão da prática do crime de estupro de vulnerável. O preso foi condenado ao cumprimento da pena em regime fechado e, após a prisão, foi conduzido ao Presídio Santa Augusta, em Criciúma.

Os fatos ocorreram em 2017, em Orleans, e ele havia respondido ao processo em liberdade. Segundo a investigação, a esposa do autor havia sido babá da vítima e por isso a criança frequentava a casa do agressor. Em uma oportunidade, apenas o autor estava em casa, ficando sozinho com a vítima.
A mãe da vítima percebeu mancha de sangue na calcinha da criança e procurou a polícia, que iniciou as investigações. Foi apurado, após perícia, que o autor praticou atos libidinosos com a mão contra a menor.

“Advertimos os pais quanto aos cuidados que devem ter com as crianças e adolescentes. Geralmente, os agressores são pessoas próximas da família e praticam abusos quando os menores ficam sem vigilância. Os pais devem ficar atentos ainda à mudança de comportamento dos filhos. O monitoramento do ambiente virtual também é fundamental para prevenir possíveis abusos”, alertou o delegado Fernando Guzzi.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: SulInfoco