Florianópolis

Quatro mortes foram registradas em rios e em uma lagoa no estado fim de semana. Todos os afogamentos ocorreram sábado, dia mais quente do ‘feriadão’, com temperaturas em torno de 36º C em muitas regiões catarinenses.

Na manhã de sábado, o corpo de Matheus Gomes Nusse Soares, 15 anos, foi encontrado no rio Piraí, em Araquari, na região norte, perto do limite com Guaramirim.

Segundo familiares, ele tinha saído com amigos do bairro Escolinha, em Joinville, e ido até a região da estrada Poço Grande, em Araquari, para nadar no rio. Um dos garotos afogou-se e Matheus foi tentar socorrê-lo. O amigo sobreviveu.

Em Timbó, no Vale do Itajaí, duas crianças desapareceram no rio Benedito, na região do bairro dos Lagos. Os corpos de Alexandro Bartel, de 8 anos, e Rafael Carvalho Kavat, 9, foram encontrados no fim do dia pelos bombeiros. Os meninos eram vizinhos. Um deles entrou na água e, como não conseguia sair, o outro tentou ajudá-lo. Ambos afogaram-se.

À tarde, um homem de 62 anos morreu depois de mergulhar na lagoa de Barra Velha, perto da ponte pênsil, no bairro Quinta dos Açorianos, em Joinville. Segundo a Polícia Militar, quando começou a se afogar, Manoel José dos Santos ainda gritou para o filho, que presenciou tudo, mas ninguém conseguiu salvá-lo. O corpo só foi encontrado domingo.