Criciúma

Uma haitiana, que estava desaparecida há três dias, foi encontrada morta, na tarde desta quinta-feira, em uma chácara do bairro Primeira Linha, em Criciúma. O caseiro encontrou o corpo e entrou em contato com a Polícia Militar. O delegado André Milanese, que investiga o caso, não descartou qualquer hipótese, inclusive de morte natural. Ele ouvirá familiares para obter mais informações.

Os funcionários do Instituto Médico Legal (IML) de Criciúma também não se pronunciam até que os exames no corpo sejam concluídos. Ela aparentava ter por volta de 30 anos.

Esse é o segundo caso de mulher encontrada morta, no Sul de Santa Catarina, apenas nesta semana. Na terça-feira, outro corpo foi encontrado – daquela vez em Araranguá.