Uma família de Orleans passava o dia em uma cascata em uma propriedade particular, no bairro Rio Hipólito, no interior do município, quando mãe e filho entraram na água. A mulher começou a se afogar e o homem foi socorre-la. Ao conseguir retira-la da água, ele escorregou, caiu no rio e não retornou à superfície. O incidente ocorreu por volta das 11 horas deste domingo (26). O cunhado da vítima, um bombeiro militar de folga, saiu em busca de ajuda e deparou-se com outro bombeiro militar, também de folga.

Os dois correram para tentar ajudar o homem. Eles conseguiram encontra-lo e retira-lo da água. Iniciaram as manobras de reanimação cardiorrespiratória, mas sem sucesso. Segundo relato deles aos colegas que foram atender a ocorrência, o cunhado ficou aproximadamente 30 minutos submerso. Um dos pés ficou preso entre as pedras quando ele caiu na água e, por isso, ele não conseguiu vir à tona. O Samu de Orleans e alguns populares auxiliaram os bombeiros militares a remover o corpo até uma casa próxima, pois o lugar do incidente era de difícil acesso. A Polícia Científica recolheu o corpo e a ocorrência foi repassada para a Polícia Civil do município. A vítima tinha 33 anos.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul