Um homem de 49 anos, suspeito de estuprar a filha de 11 anos, em Chapecó, foi preso nesta quarta-feira (14) pela Polícia Civil por meio de um mandado. Ele foi encontrado em uma área de mata, onde estava escondido desde a expedição da ordem de prisão, há uma semana.

A ação é da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) de Chapecó. O inquérito policial foi instaurado na primeira semana deste mês após o recebimento de uma denúncia sobre a possível prática de violência sexual.

Em menos de 24 horas, a Polícia Civil realizou as diligências necessárias para a conclusão do inquérito e representou ao Judiciário pela expedição do mandado de prisão preventiva contra o suspeito. Após manifestação favorável do Ministério Público, a ordem foi deferida.

A vítima era forçada, mediante ameaças, a se submeter à violência sexual e nada relatar a terceiros. Foi solicitada a intervenção do Conselho Tutelar, que realizou o atendimento da vítima e o acolhimento institucional de emergência.

Após a prisão, o suspeito foi interrogado e optou por permanecer em silêncio. Depois, foi encaminhado ao sistema penitenciário, onde ficará à disposição da Justiça.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Foto: DPCAMI/Polícia Civil de Chapecó/Divulgação Notisul