Eliana Paes Corrêa, de 52 anos, (foto em detalhe) caiu com a motocicleta e foi atropelada por um carro  -  Foto:Unisul TV/Divulgação/Notisul
Eliana Paes Corrêa, de 52 anos, (foto em detalhe) caiu com a motocicleta e foi atropelada por um carro - Foto:Unisul TV/Divulgação/Notisul

Mirna Graciela
Tubarão

 
Um grave acidente, no início da tarde de ontem, em Tubarão, provocou a morte de Eliana Paes Corrêa, de 52 anos. Por volta das 13 horas, ela conduzia uma Honda Biz, na Estrada Geral da Madre, quando a sua frente estava um ciclista, que se desequilibrou.
 
Ambos transitavam no sentido à localidade. Ao tentar fazer uma manobra para desviar da bicicleta, Eliana sofreu uma queda. No lado contrário, trafegava uma Saveiro, com placas de Capivari de Baixo. O motorista, de 23 anos, não conseguiu frear a tempo e atingiu a motociclista, que já estava caída. Ela morreu na hora. 
 
O acidente ocorreu próximo ao Clube Garibaldino. O ciclista teve ferimentos leves e foi encaminhado ao Hospital Nossa Senhora da Conceição. O condutor do automóvel saiu ileso. O corpo de Eliana foi recolhido pelo Instituto Médico Legal (IML) de Tubarão. 
 
As Polícias Civil e Militar e o Instituto Geral de Perícias (IGP) foram ao local. O trânsito ficou fechado por cerca de uma hora, até que todos os procedimentos fossem concluídos. Muitos moradores do bairro estiveram no local. Alguns manifestaram-se sobre a falta de acostamento na estrada.
 
Eliana morava no bairro Andrino. Ela era viúva e deixa três filhos. A missa de corpo presente ocorrerá hoje, às 9 horas, na cripta da catedral. O sepultamento será realizado no Cemitério Horto da Saudade, no bairro Monte Castelo.