#PraCegoVer Na foto, um caminhão do Exército está caído em meio a mata
Acidente ocorreu em uma área de difícil acesso. Dos 44 ocupantes do caminhão, três faleceram, 39 estão internados e dois não precisaram de atendimento hospitalar - Foto: CBMSC | Divulgação

Em nota, a 14° Brigada de Infantaria Motorizada confirmou a morte da terceira vítima do acidente com um caminhão nesta quarta-feira (16), em Blumenau. Alexandre da Silva Reginaldo, de 19 anos, natural de Porto Belo, ficou presos às ferragens e chegou a ser resgatado com vida e encaminhado ao Hospital Santa Isabel, em Blumenau. Ele passou por uma cirurgia de emergência e estava na UTI, mas não resistiu aos ferimentos e faleceu. 

Alex Carvalho da Cruz, 21 anos, e Diogo Felipe Veiga, 18, também morreram na queda do caminhão na ribanceira, e já estavam sem vida quando os socorristas chegaram. Conforme os bombeiros militares, havia 44 pessoas no caminhão, 41 na parte traseira e três na cabine. Ainda na nota, a 14ª Brigada de Infantaria Motorizada informou que “está tomando todas as medidas necessárias e prestando apoio psicológico e religioso aos envolvidos e seus familiares, bem como mandou instaurar um inquérito no intuito de apurar as causas do acidente.”

Segundo o 23º Batalhão de Infantaria de Blumenau, três veículos estavam indo em comboio para um treinamento em mata. A saída de pista ocorreu em uma estrada que fica nas mediações da Rua Belmiro Colzanin, no bairro Progresso, próximo ao acesso à Área de Instrução do 23º Batalhão de Infantaria, por volta das 8h30min. A região onde o caminhão caiu da ribanceira é montanhosa e existem vários pontos de barranco alto.

Fonte: Corpo de Bombeiros Militar
Edição: Zahyra Mattar | Notisul

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul