A Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) prendeu nesta quinta-feira (20) um militar temporário da Aeronáutica suspeito de vender drogas “gourmet” pela internet. O nome dele não foi revelado. Ele foi encaminhado para a 1ª Delegacia de Polícia (Asa Sul).

O homem era investigado por cultivar várias espécies de maconha na própria residência. Durante as buscas da polícia, foram encontrados itens para a produção das drogas, uma balança de precisão, óleos de cannabis e sementes. Também foi apreendido R$ 1.620 em espécie.

O militar foi preso pelos crimes de tráfico de drogas e por manter utensílios atribuidos para a preparação e produção de entorpecentes. Caso condenado, pode pegar de oito a 25 anos de prisão.