Imbituba

O Comando do 5º Distrito Naval (Com5ºDN) informa que, durante a noite desta quinta-feira e madrugada desta sexta permaneceram as buscas aos náufragos do barco pesqueiro Jorge Seif Junior, de Itajaí, que afundou a cerca de 80 quilômetros da costa de Imbituba na manhã de quinta. Quatro navios mercantes participam do res a seis desaparecidos. Durante todo o dia de sexta, os trabalhos foram intensificados com um helicóptero da Marinha, um Navio-Patrulha e uma aeronave da Força Aérea Brasileira (FAB).

Dos dezessete sobreviventes encontrados, dezesseis foram encaminhados à Delegacia da Capitania dos Portos de Itajaí pelo navio mercante que realizou o resgate, um ferido levado por helicóptero diretamente para o Hospital Governador Celso Ramos, em Florianópolis, onde passa bem. Até o momento, um óbito foi registrado.

Alguns destroços da embarcação foram avistados pela aeronave da Força Aérea. As causas do acidente serão apuradas por meio de um Inquérito Administrativo, que tem prazo de 90 dias para conclusão. O velório do cozinheiro do barco de pesca que naufragou, José Carlos dos Santos, 57, foi marcado por muita emoção em Itajaí. José tinha três filhos e não era casado. Dos 24 tripulantes, seis continuam sumidos. Em frente à empresa JS Pescados, proprietária do barco que naufragou, familiares se reuniram para buscar notícias de Josimar Francisco, um dos sobreviventes, que contou que o mar estava muito agitado, e se salvou depois que vestiu o colete salva-vidas.