O assassinato de Wagner Vieira Matos Dos Santos, de 44 anos, ocorrido em sua residência no bairro Floresta, em Braço do Norte, foi elucidado. Dois homens, de 26 e 31 anos, foram presos hoje (31).

Wagner foi morto a facadas e encontrado no chão de sua casa no último dia 27. A investigação da Polícia Civil da cidade concluiu que foi um crime de latrocínio (matar para roubar).

Com o apoio de policiais da delegacia de Rio Fortuna e da Agência de Inteligência da Polícia Militar de Braço do Norte, uma intensa investigação iniciou de forma ininterrupta para identificar os autores. Foi descoberto que os criminosos teriam praticado um outro roubo no dia 12 deste mês, no mesmo município.

Foi representado pela prisão temporária, e busca e apreensão, com parecer favorável do Ministério Público e deferido pelo Judiciário. Um foi preso em uma casa, o outro em via pública na manhã deste sábado, ambos em Braço do Norte.

Eles foram encaminhados ao Presídio Regional em Tubarão, onde permanecerão à disposição da Justiça. As investigações e a ação de hoje foram coordenadas pelo delegado Eder Matte.

O crime
O crime ocorreu no dia 25 deste mês, por volta das 20h30min. Wagner foi encontrado em sua residência dois dias depois, pela manhã, sem vida e com sinais de morte violenta – quantidade considerável de sangue sob o corpo e uma pequena faca ao lado.

Ele foi atingido com, pelo menos, cinco golpes de faca no peito. A vítima foi encontrada por um vizinho que estranhou a sua ausência. A moto CG 125 de Wagner havia sido roubada e recuperada no dia seguinte em Tubarão.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul