Foto: Reprodução

Duas mulheres, sendo uma de 36 e a outra de 53 anos, estão sendo investigadas por maus-tratos contra idosos, em um dos lares de longa permanência localizado no centro da cidade de São Lourenço do Oeste. No local, foi constatado que nove idosos estavam com a vida em risco por falta de medicamentos necessários e alimentação adequada.

A fiscalização realizada na tarde de quinta-feira (12), contou com a PCSC (Polícia Civil de Santa Catarina) através da DPCAMI (Delegacia de Proteção à Criança, Adolescente, Mulher e Idoso), que recebeu uma denúncia de maus-tratos contra idosos. Além disso, a fiscalização contou com o apoio da Vigilância Sanitária, Conselho Municipal dos Idosos e Assistência Social.

A proprietária da casa foi notificada pela Vigilância Sanitária que solicitou o fechamento do estabelecimento. As suspeitas estão sendo investigados pelo crime de colocar em perigo a vida dos pacientes, integridade e saúde de idosos pela privação de alimentos e demais cuidados.

De acordo com as informações da Polícia Civil, os idosos foram encaminhados para outra casa, agora os agentes seguem trabalhando no caso para obter mais informações e, para cumprir todos os direitos dos idosos conforme a Lei nº. 10.741/03.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: ND+