O cachorro foi arrastado por quilômetros pelo Centro da cidade. Quando os policiais encontraram o motorista, o bicho já estava morto e ainda preso pela corda à traseira do carro - Foto: Polícia Militar de Indaial | Divulgação

O homem detido após amarrar um cão na parte traseira de automóvel e arrastá-lo pelas ruas centrais de Indaial, no Médio Vale do Itajaí,  teve a prisão em flagrante convertida em preventiva na tarde desta quarta-feira (2), durante audiência de custódia. A decisão é do juízo da Vara Criminal da comarca de Indaial. Imagens de segurança, que circularam nas redes sociais, mostram a cena registrada na noite de terça-feira (1) e chocaram a população de todo o Estado.

A Central Regional de Emergência da Polícia Militar chegou a receber mais de 30 ligações com denúncias do fato. Ao localizar o condutor do veículo, os policiais encontraram o animal, já sem vida, ainda amarrado na traseira do carro. O motorista foi autuado por maus-tratos a animal doméstico seguidos de morte (art. 32, §1-A e § 2º, da Lei n. 9.605/98) e por posse de aves silvestres – um curió e um galinho de campina – sem licença (art. 29 da Lei n. 9.605/98), localizadas durante busca policial. Ele foi encaminhado ao Presídio Regional da cidade, onde permanecerá à disposição da Justiça.

Nesta quarta, no fim da tarde, uma manifestação reuniu dezenas de pessoas em frente ao Fórum para pedir justiça. As imagens gravadas pelas câmeras de monitoramento são fortes e mostram uma crueldade absurda. O cachorro foi arrastado por quilômetros pelas ruas do Centro da cidade. Além do cão e das aves silvestres, os policiais encontraram uma tesoura longa, um estilingue e algumas pedras no veículo. Existe a suspeita, ainda não confirmada pela Polícia Civil, de que ele teria a intenção de matar as aves. Antes de ser preso pelo crime ambiental e de maus-tratos, a PM havia atendido uma outra ocorrência, envolvendo o mesmo homem, depois dele ter ameaçado o próprio vizinho com uma faca.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul