Tubarão

A Polícia Militar de Santa Catarina investe em ações preventivas e próativas para reduzir os índices de violência e elevar a sensação de segurança da sociedade.
De acordo com o gestor do projeto Jovem Atitute, capitão Marcos Aurélio Ramm, nessa linha de ação, o curso de capacitação é uma nova proposta da polícia ostensiva preventiva, com o foco no fortalecimento do potencial de liderança dos adolescentes com idades entre 12 e 15 anos.

“Por intermédio de oficinas pedagógicas, oferecemos subsídios para que os participantes potencializem sua atuação nos espaços escolares e comunitários, para, assim, contribuírem com a melhoria da qualidade de vida da sua região”, avalia o capitão.

Os cursos iniciais foram realizados entre 2003 e 2006, em Florianópolis e Criciúma. Este ano, os recursos do convênio entre a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) e a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) são aplicados nas na capital, Joinville, Blumenau, Balneário Camboriú, Itajaí, Lages, Tubarão, Imbituba, Laguna e Criciúma.

Em Tubarão, o curso iniciou nesta sexta-feira, no Seminário Nossa Senhora de Fátima, no bairro São João, com a participação de 42 jovens – 14 da Cidade Azul, quatro de Imbituba e 14 jovens de Laguna. As aulas têm duração de três dias.

Multiplicadores de ações preventivas
Neste domingo, ocorre a formatura dos Jovens de Atitude da região. Até o fim do ano, a previsão é que ocorram 14 cursos de formação beneficiando 588 jovens das escolas públicas do estado.