Rafael Andrade
Imbituba

Dois agentes prisionais do Presídio Regional de Tubarão, dois traficantes de alta periculosidade, a esposa de um traficante e o filho dele foram detidos ontem, às 21 horas, na praia do Rosa, em Imbituba.
De acordo com informações da Polícia Civil, há três semanas, o grupo era investigado por tráfico de drogas, associação ao tráfico e facilitação a detentos, além da utilização de veículos públicos para fins criminosos. “Estávamos na ‘cola’ deles e efetuamos o flagrante assim que surgiu a oportunidade certa”, informa um investigador de Imbituba.

Os traficantes cumprem pena na instituição criminal de Tubarão. Segundo a polícia, no início da noite de ontem, como em outras noites, os detentos teriam sido retirados da ala de regime fechado do presídio e chamados apara dar uma ‘volta’. Um carro oficial do presídio saiu com quatro pessoas e foi em direção a um bar, em Imbituba. O grupo teria tomado cerveja e ‘brindado’ o comércio de entorpecentes.

Minutos depois, os agentes e os traficantes deixaram o local acompanhados da mulher de um dos traficantes e de uma criança. Logo depois, ainda nas proximidades do bar, eles foram parados e surpreendidos pela polícia. No carro, havia latas de cervejas, conforme os policiais. Eles foram encaminhados à Delegacia de Imbituba, onde foi registrado o flagrante. A mulher e o menor foram liberados em seguida. Os demais depoimentos só terminaram durante a madrugada de hoje.

Alguns membros da corregedoria do Departamento de Administração Prisional (Deap) foram avisados da conduta criminosa dos agentes e deslocaram-se para Imbituba. O caso segue sob investigação. Até o fechamento desta edição, os agentes e detentos continuavam detidos na delegacia.