O prefeito Luiz Carlos Brunel Alves recebeu a notícia esta semana. Amanhã inicia a instalação dos postes que receberão as dez câmeras. Foto: Prefeitura de Capivari de Baixo/Divulgação/Notisul
O prefeito Luiz Carlos Brunel Alves recebeu a notícia esta semana. Amanhã inicia a instalação dos postes que receberão as dez câmeras. Foto: Prefeitura de Capivari de Baixo/Divulgação/Notisul

Mirna Graciela
Capivari de Baixo

Ao que tudo indica, Capivari de Baixo será a próxima cidade da região a ter câmeras de segurança. Amanhã, inicia a instalação dos postes que receberão os dez primeiros equipamentos, adquiridos por meio de um convênio com a secretaria de segurança pública (SSP) do estado, em outubro do ano passado.

As câmaras serão colocadas em pontos estratégicos na área central. Existe a possibilidade de ampliar para 20 o número de equipamentos. Isto será feito por meio de parcerias entre a prefeitura e a iniciativa privada.
A informação foi passada pelo major Laerte Lauro Marques e pelo tenente Marcelo Oliveira Santos, ao prefeito Luiz Carlos Brunel Alves, esta semana. “Estamos felizes. Este é o passo inicial. Temos índices baixíssimos de violência, mas hoje todo cuidado é pouco”, valoriza Brunel.

Enquanto Capivari de Baixo está em fase adiantada, Tubarão, que começou bem antes o processo, deverá ter o seu sistema de câmeras em funcionamento somente em junho, quando as obras da Central Regional de Emergência, no 5º Batalhão da Polícia Militar, ficarão prontas.

Na Cidade Azul, é prevista, inicialmente, a instalação de oito câmeras. Os suportes dos equipamentos chegaram nesta semana ao batalhão. Os técnicos da SSP estiveram na cidade, na semana passada, para demarcar os locais onde as câmeras serão colocadas.

Duas cidades possuem câmeras e outras estão em fase de instalação

A primeira cidade da região a receber o sistema de vídeo monitoramento foi Imbituba, em dezembro de 2010. O projeto está em fase de ampliação, com a instalação de mais duas câmeras no bairro Nova Brasília. Também ocorre a negociação para a colocação de três na praia do Rosa e uma no bairro Vila Nova.

Assim, o município terá um total de 12 câmeras. O sistema foi elaborado para comportar até 20. Garopaba recebeu os equipamentos em janeiro deste ano. Em Braço do Norte e São Ludgero é feita a fixação dos equipamentos. A previsão é de que estejam em funcionamento no próximo mês. Ao todo, serão 15 câmeras.