Laguna

Laguna e região apresentam altos índices de criminalidade. A Cidade Juliana, uma das mais antigas do estado, tem pouco mais de 50 mil habitantes e chega a incríveis dez homicídios em 2010. Já são 37 assassinatos em toda a região.

Os números preocupam as autoridades políticas da área de segurança pública, que são cobradas diariamente pela população amedrontada.
Na madrugada de domingo, um adolescente de 17 anos foi morto com cinco tiros, no bairro Progresso. O local onde foi encontrado o corpo é considerado de alto risco e tem vários pontos de tráfico de drogas.

O menor é natural de Concórdia e morava no município há 28 dias. Por volta das 3h25min, moradores do bairro Progresso ouviram vários disparos de arma de fogo, mas somente ao amanhecer que a Polícia Militar foi chamada, após o corpo do jovem ser avistado por um vizinho.

Os tiros começaram dentro da casa onde morava. Ele foi atingido nas costas, conseguiu pular a janela e tentou fugir pulando o muro da casa ao lado, mas levou mais três tiros e morreu no pátio. O suspeito do crime ainda não foi localizado. O delegado José Machado coordena o caso.

Homicídios em 2010 em Laguna

• Jonair Olálio dos Santos, 33 anos, encontrado morto dia 13 de março.
• Aleimar Elói Balbueno Soares, 70 anos, morto dia 8 de abril.
• Adriano Gazola, o Buda, 36 anos, assassinado dia 7 de junho.
• Edson Pedro Marcelino, 24 anos, foi morto no dia 12 de junho.
• André Duarte Martins, 18 anos, foi morto no dia 25 de julho.
• Alberi de Bem Flor, 44 anos, foi assassinado no dia 10 de agosto.
• Maycon Luiz Vieira da Silva, 27 anos, foi morto no dia 19 de setembro.
• Ozés Santos da Silva, 44 anos, foi assassinado no dia 11 de novembro.
• Agnaldo Bernardo Mota, o Pulga, 27 anos, morto no dia 12 de novembro.
• Um adolescente de 17 anos foi morto domingo.