Tubarão

Um homem de 34 anos, principal suspeito de ter assassinado Marco Martins Paes, 32, no dia 2 de março do ano passado, foi preso por agentes da Central de Operações Policiais (COP) na sexta-feira. Ele estava em casa, no bairro Recife, em Tubarão. Os agentes cumpriram um mandado de prisão temporária contra o acusado.

O homicídio de Marco foi o primeiro dos dez registrados em Tubarão, em 2009. Ele foi baleado pelo caroneiro de uma moto na rua Paulo Luiz Gomes, no bairro Santo Antônio de Pádua.

Em revista à casa do suspeito, os policiais apreenderam cerca de R$ 11 mil em dinheiro, escondido dentro de uma geladeira velha. “Este valor deve ser resultante da venda de drogas”, acredita o delegado Bruno Ricardo Vaz Marinho, da COP.

A vítima, na época, havia sido beneficiada com uma saída temporária de uma semana da Penitenciária de São Pedro de Alcântara, na Grande Florianópolis. Marco estava na casa de parentes quando foi surpreendido e morto com um tiro na barriga. Ele cumpria pena por tráfico de drogas e roubo.

Segundo as investigações, há indícios de que o homem detido tenha participação em alguns assassinatos registrados este ano na cidade. Todos teriam como motivação a disputa de pontos de venda de drogas em Tubarão.