Balneário Arroio do Silva

No fim da tarde desta terça-feira (16), por volta das 17h30min, a jovem Francine da Silva Peres, 21 anos, entrava no banho quando foi assassinada brutalmente a facadas por Márcio dos Santos Salgado, 30 anos. O crime ocorreu na casa da tia da vítima, na rua Guilherme Becker, no bairro Erechim, em Balneário Arroio do Silva.

Márcio foi preso em flagrante pela Polícia Militar e na Central de Plantão Policial (CPP) de Araranguá confessou ao delegado Marlon Bosse o latrocínio da jovem, confidenciando ainda o homicídio de Joelci João Inácio, 50, conhecido como “Neném sem perna”. O crime ocorreu na casa da vítima, na rua Scaini, no centro do Arroio. “Neném sem perna” foi golpeado com uma facada no pescoço, morrendo em cima da cama.

Durante os trabalhos, a Polícia Civil descobriu que Márcio, natural de Santo Antônio das Missões, Noroeste do Rio Grande do Sul, estava residindo no Arroio há dois meses, em uma casa na rua da Vergonha, Vila Dona Izabel e, nesse período praticou inúmeros arrombamentos seguidos de furtos e até assaltos.

O assassino confesso de duas vítimas apontou a casa onde estava ficando e por volta das 23h45min desta terça, os delegados Marlon Bosse, da CPP, Lucas Fernandes da Rosa, da DIC, e Vandilson Moreira da Silva, da 1ª DP, juntamente com agentes da Polícia Civil da CPP, DIC e DPMU do Arroio se deslocaram para a rua da Vergonha. “Fomos averiguar a informação de drogas, arma e produtos furtados e roubados que poderiam estar na residência do preso, entretanto nada foi localizado”, disse Bosse, esclarecendo que as investigações continuam para apontar o mandante do crime de Joelci e se Márcio teve algum comparsa neste homicídio.

Fonte: Diogo CCR