O homem de 23 anos matou a vítima com três facadas e foi preso uma hora após o crime
O homem de 23 anos matou a vítima com três facadas e foi preso uma hora após o crime

 

Mirna Graciela
Braço do Norte
 
O segundo homicídio deste ano em Braço do Norte foi registrado na madrugada de ontem, por volta das 2h30min, no bairro Rio Bonito, às margens da SC-438. Com este, são 17 mortes na região metropolitana de Tubarão. 
 
Após uma discussão, motivada pela disputa de uma pedra de crack, um homem de 23 anos esfaqueou Marcel Sabino Anacleto, o Beiço, 27. Seu corpo foi encontrado pela polícia às 4h30min.
 
Uma hora depois, em uma operação conjunta entre a Polícia Civil e o Núcleo de Inteligência da Polícia Militar do município, o autor do homicídio foi preso em uma casa abandonada, no bairro Texaco.
 
Ele confessou o crime e alegou ter se defendido. O criminoso tem passagem na polícia por porte de entorpecentes. Já a vítima cumpria liberdade condicional por furto.
 
Conforme o Instituto Geral de Perícias de Tubarão, a causa do óbito foi uma hemorragia interna, causada por um traumatismo renal, provocado pelo esfaqueamento. O autor do homicídio está no Presídio Regional de Tubarão.