Um homem de 28 anos foi atingido por três tiros nesta sexta-feira (12) em Braço do Norte. A guarnição da Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência no bairro Riacho Alegre, por volta das 17h45.

Quando os policiais chegaram ao local o homem estava caído no chão e sendo socorrido por populares. Ao verificarem seu estado de saúde, foi constatado que ele havia sido atingido por três disparos de arma de fogo – dois no peito e um na perna direita.

Ao indagar as pessoas, uma mulher de 57 anos se apresentou como testemunha e contou à guarnição que o autor dos disparos seria seu marido, de 54 anos. Segundo ela, seu
esposo havia sido ameaçado pela vítima no dia anterior, quando ele veio até sua residência para ameaçá-lo de morte.

O homem se defendeu com um foice. O de 28 anos saiu do local e disse que voltaria para matá-lo. E quase cumpriu, quando ontem (12), por volta das 17h30, seu marido chegava em casa de carro. Ele trancou a sua passagem, desceu do veículo, foi até a porta do automóvel e tentou lhe atingir com golpes de facão.

Foi quando o esposo da mulher sacou um revólver calibre 32 e disparou três tiros contra a vítima (28 anos), que caiu no chão. A mulher contou ainda que seu companheiro deixou a arma sobre o capô do carro e fugiu.

A vítima foi atendida pelo SAMU e pelo Corpo de Bombeiros, e encaminhada ao Hospital
Santa Teresinha. A Polícia Civil de Braço do Norte foi acionada à instituição hospitalar, recolheu o revólver e o facão utilizados na ocorrência, e assumiu a investigação do crime.

A guarnição da PM também foi ao hospital. Um boletim de ocorrência foi registrado. A motivação do crime e os motivos das ameaça não foram informados.