#Pracegover Foto: na imagem há uma arma de fogo e duas mãos
#Pracegover Foto: na imagem há uma arma de fogo e duas mãos

O homem acusado de atingir e matar um policial militar em Florianópolis, morreu após um confronto com policiais. A confirmação foi feita pelo comando da PM na manhã deste sábado (12).

O soldado Luiz Fernando de Oliveira, 35 anos, do 21º Batalhão de Polícia Militar, de Florianópolis, faleceu nessa sexta-feira (11), durante o atendimento de ocorrência policial. Segundo a PM, a denúncia informava um suspeito armado com um fuzil em uma residência no bairro Ingleses, Norte da Ilha.

A guarnição policial militar foi realizar a averiguação da denúncia, e ao entrar em um terreno de uma casa para encontrá-lo, os militares foram surpreendidos com uma “rajada” de fuzil, atingindo assim, o policial que estava em serviço. O autor dos disparos fugiu em seguida, logo após troca de tiro com a Polícia Militar. As buscas iniciaram imediatamente. Ele estava fortemente armado e pronto para o enfrentamento com os policiais militares.

Entre em nosso canal do Telegram e receba informações diárias, inclusive aos finais de semana. Acesse o link e fique por dentro: https://t.me/portalnotisul

Fonte: Engeplus